Sistema WMS: 5 fatores significativos ao escolher

Sistema WMS: se você possui um estoque em sua empresa, certamente precisará de um como aliado no controle e visibilidade de toda movimentação.

WMS, o que é?

WMS é um sistema de baixa complexidade de implantação e utilização, garantindo total rastreabilidade das mercadorias em todas as suas movimentações, desde o recebimento até a expedição.

Dessa forma, o WMS garante que você tenha, em tempo real, o total controle de armazenagem e expedição de produtos nas suas mãos.

Portanto, nesse artigo, listamos 5 fatores estratégicos que você deve levar em consideração ao escolher seu Sistema WMS, com intuito de facilitar a sua adaptabilidade à nova forma de controle.

1 – Busque uma plataforma de fácil utilização

Primeiramente, vamos lembrar que seu time trabalhou por anos, até agora, com pranchetas e planilhas e Excel, alguns nem com isso.

O novo quase sempre assusta e gera desconforto em um primeiro momento, sendo que depois, se a experiência é boa, a adaptabilidade flui.

Assim, ao implantar um Sistema WMS, você precisa avaliar a maturidade técnica da sua equipe e se a plataforma que você está contratando é intuitiva o suficiente para garantir que seu time irá se adaptar com facilidade. 

2 – Valide se ele está preparado para as integrações que você precisará

Do mesmo modo que a plataforma deve ser intuitiva, ela deve mostrar todas as informações que seu time necessita em uma mesma tela.

Isso você garante com a integração entre sistemas. Afinal, você não vai querer que seu usuário busque entre vários sistemas, seja ERP e WMS uma informação que poderia estar unificada.

A propósito, diferenciei WMS do ERP nesse artigo e ficou bem esclarecedor.

Sendo assim, valide todas as possibilidades de integração entre seus sistemas e o custo disso para o seu projeto.

3 – Um bom sistema WMS tem que te apoiar na medição de indicadores

Frequentemente, acompanhamos profissionais que possuem um alto grau e qualidade de controle, entretanto não dão visibilidade ao trabalho para o time através de indicadores KPIs.

KPI é a sigla em inglês para Key Performance Indicator, ou os famosos Indicadores-Chave de Desempenho.

Medir o que importa ao seu negócio é fundamental para nortear o time e dar visibilidade do seu trabalho como gestor.

Por isso, é fundamental que seu Sistema WMS tenha ferramentas de medição, controle e visibilidade do que está sendo controlado.

4 – Visibilidade online (na nuvem)

Este artigo está sendo escrito em 2020, ano em que vivemos a pandemia do Covid-19 e todos nós sabemos como foi assustador de um dia para o outro migrar todo trabalho presencial para o remoto e ainda entregar resultado.

Definitivamente, após essa experiência tornou-se fundamental que as ferramentas de trabalho sejam na nuvem, garantindo mobilidade e entrega de resultado remoto.

Esse movimento já estava acontecendo há anos, porém a partir de 2020 é obrigatório que seu Sistema WMS seja online e garanta visibilidade para a sua gestão de onde quer que esteja.

5 – Garanta que você tenha total suporte na implantação

Por último, pense na sua tranquilidade na implantação. Tenha um parceiro estratégico que entenda de fato a sua operação e o apoie na implantação do Sistema WMS.

Esse parceiro deverá ter em seu escopo de implantação e sustentação, treinamentos do time, redesenho de processos, se necessário e total transparência e cumprimento de prazo na execução das integrações e ativação do novo processo.

Você já conhece o GTI Plug?

GTI Plug foi projetado para ser simples.

Por isso, ele é online, de fácil implementação, integra com os mais robustos ERPs do mercado, é preparado tanto para o código de barras quanto RFID.

Tem uma interface amigável e responsiva além de possuir seu formato de cobrança por mensalidade, com planos mensais e anuais.

Então, se podemos simplificar, para quê complicar, não é mesmo? 

Entre em contato agora com um de nossos especialistas e descubra o GTI Plug.

Deixe um comentário